“Uma vez que a mudança social começa, ela não pode ser revertida. Você não pode deseducar a pessoa que aprendeu a ler. Não pode humilhar a pessoa que sente orgulho. Não pode oprimir as pessoas que já não têm medo. Nós vimos o futuro, e o futuro é nosso.”

— César Chávez

Defensores dos Direitos Humanos
César Chávez (1927-1993)

O agricultor e líder sindical mexicano-americano e ativista dos direitos civis César Chávez promoveu melhores condições para os trabalhadores agrícolas. Nascido na fazenda da família, perto de Yuma, no Arizona, Chávez testemunhou as duras condições que os agricultores suportavam. Rotineiramente explorados por seus empregadores, eles muitas vezes não eram remunerados, vivendo em barracos em troca de seu trabalho, sem instalações médicas nem recursos básicos. Sem uma voz unida, não dispunham de meios para melhorar sua situação. Chávez mudou isso quando dedicou sua vida para conquistar o reconhecimento dos direitos dos trabalhadores agrícolas, inspirando-os e organizando-os na Associação Nacional dos Trabalhadores Agrícolas, que mais tarde se tornou Trabalhadores Agrícolas Unidos. Por meio de passeatas, greves e boicotes, Chávez forçou os empregadores a pagar salários adequados e proporcionar outros benefícios e foi responsável pela legislação que instituía a primeira Lei de Direitos para os Trabalhadores Agrícolas. Por seu compromisso com a justiça social e sua dedicação ao longo da vida para melhorar a vida dos outros, Chávez foi postumamente reconhecido com a mais alta honra civil, a Medalha Presidencial da Liberdade.

DOWNLOAD »